Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Só neste país...

21.03.13

Que palhaçada é esta de pôr o Sócrates na RTP a opinar/comentar acerca seja do que for? Com que direito?

Mesmo que o tipo não receba dinheiro por isso, há custos alocados ao programa. Ora a RTP é a estação de televisão pública. Portanto, somos nós, contribuintes, que vamos andar a pagar o programa onde o tipo vai exercer a sua verborreia. Acontece que eu não quero pagar isto! Não depois do buraco tremendo onde o tipo nos enfiou! Não depois de o tipo sair impune disto tudo! Não mesmo!

Este país está em estado de sítio. E o pior é que não acredito que a coisa melhore nos próximos tempos...

Autoria e outros dados (tags, etc)


18 comentários

De Fátima Bento a 22.03.2013 às 11:26

Mas TU acreditas MESMO que o gajo não vai auferir remuneração? Bom, só se lhe chamarem ajudas de custov, uma vez qu'o senhor está a viver no Brasil, e vai ter de se deslocar aqui TODAS AS SEMANAS durante umas horas...
faltava mesmo este elemento para o circo em que a nossa classe politica, com a ajuda dos media, se transformou.
Repito o chavão antigo, que não me canso de reforçar: cada país tem o que merece...

De Lénia Rufino a 22.03.2013 às 11:27

Não acredito, mas dou de barato. E é como dizes: no circo vale tudo...

De Filipa a 22.03.2013 às 11:33

O homem está a viver no Brasil?!

E insisto, isto é uma democracia. Há muitos socialistas que gostam do Sócrates e que também são contribuintes. Também têm direito a ouvi-lo.

Não se esqueçam todos que andamos a pagar o ordenado ao Relvas...

De Lénia Rufino a 22.03.2013 às 11:34

Bom, também havia muita gente a gostar do Hitler e do Mussolini e do Franco e do Salazar... não entremos por aí...

De Filipa a 22.03.2013 às 12:41

Acho que a comparação não tem nada a ver. Porque não só o Sócrates não é um ditador, como não vivemos em ditatura. E a questão é mesmo essa: estamos em democracia e, portanto, não se podem fazer julgamentos públicos e proibir um ex-ministro que não está acusado de nada criminalmente, de falar na televisão pública. Alguém a quem há muita gente que dá crédito e que está por se saber se não teria feito melhor do que este anda a fazer. Alguém que é de um partido político que está empatado tecnicamente com o que foi eleito, e portanto...

De Lénia Rufino a 22.03.2013 às 12:49

Bem... nem vou dizer mais nada. Não está acusado de nada criminalmente mas se calhar devia... por tudo o que envolveu as escutas telefónicas, pelas cenas com os cursos arrancados a ferro em domingos e tal.

Eu não tenho partido (já votei à esquerda, à direita e ao centro), não defendo damas (nem o Passos nem, definitivamente, os governos PS) e mantenho a minha opinião: acho indecente que se aplique um cêntimo que seja num programa da televisão pública onde o senhor Sócrates vá opinar acerca seja lá do que for.

Comentar post




Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Para vocês





Follow me!






Arquivos

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D