Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Manias

31.03.10
Não percebo a mania dos pais darem o seu nome aos filhos. Juro. É o quê? Homenagem a eles mesmos? Maneira de perpetuar a coisa? Pancada? Quando se trata de um nome que já vai na 5ª geração ainda vá que não vá, agora só porque sim... yuck. Lembro-me sempre daquele casal chiquíssimo (not) do Big Brother, o Pedro e a Lara, que chamaram aos filhos... Pedro Lara e Lara Pedro... Coisinha gira. E original. E brega.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Stood Up

31.03.10


Já disse que ando apaixonada por isto?

(E que, a espaços, me faz lembrar Jewel?)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Londres: o pior

31.03.10
O hotel. Voámos na EasyJets e ficámos no EasyHotel de Paddington. A zona de Paddington é fantástica, mas aquele hotel... deixem ver se me faço entender.

Imaginem um hotel pequenino. Imaginem que vos calha um quarto na cave. Imaginem que descem as escadas e em frente, à esquerda, está a porta do vosso quarto. Imaginem que abrem a porta com o cartão. Imaginem que entram. Imaginem que caem para o lado. Foi mais ou menos o que me aconteceu.

Porta. À direita, parede até ao fundo do quarto. Uma janela (já lá vamos). A cama encostada à parede do fundo do quarto. À vossa esquerda, a porta da casa-de-banho que, para manter a coisa numa de Easy, é do tamanho de uma casa-de-banho de avião (e não estou a exagerar). Corredor. Uma virada à direita. A parede do topo é onde a cama encosta. Sim, o quarto é do comprimento da cama. Um dos lados da cama encosta à parede (ou seja, temos 3 lados da cama encostados: cabeceira, pés e lado esquerdo), o outro dá para um espacinho com 30 ou 40 cm, ladeado pela tal parede que separa o quarto da casa-de-banho.

Portanto a coisa funciona assim: quando um está no chão do quarto, o outro tem que estar em cima da cama ou na casa-de-banho. Quando estamos na cama, as malas têm que estar em pé, fechadas, encostadas à parede do fundo do quarto. Dá para perceber a ideia?

A janela: imaginem que até pagam mais não sei quanto porque sim, querem um quarto com janela. E que a dita dá para um bocado de terreno que vocês nem conseguem ver. E que, por cima, há tijolo de vidro, que faz de passeio, na rua. E que este bocado tem luz fluorescente todo o dia e toda a noite. E que, portanto, têm que arranjar forma de tapar a janela que afinal não faz falta para nada, não impede que se sintam fechados num bunker e não vos deixa dormir, com a claridade. Épico, no mínimo.

Maneiras que é isto. Se aconselho? Não. Se era limpo? Sim. Barato? Sim. Bem localizado? Sim. Isso tudo. Mas não me apanham lá outra vez, não!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Londres: descoberta

31.03.10
Acontece a toda a gente, eventualmente. Há um dia em que, bam, sem razão aparente, sem nada que o fizesse previr, percebemos exactamente o que queremos da vida. Onde é que está a nossa realização pessoal. E isso pode vir de muitos lados. Da família, do trabalho, do que se faz fora do trabalho.

A mim aconteceu-me lá, em Londres. E o tempo parou. Entrei naquele lugar e o tempo congelou ali. Eu podia ter ficado ali para sempre, sem problema rigorosamente nenhum. E percebi: é isto, é por aqui. Isto sou eu. Com a escrita. E com o resto. A seu tempo... para já, importa apenas registar que estou feliz por me ter encontrado. E que vou ter muito trabalho daqui em diante...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Londres: hilariante

30.03.10
Domingo à noite, no restaurante. Grupo de três jovens portugueses, do Porto (só interessa por causa do sotaque, para visualizarem a coisa). A dada altura...

A: Foi a primeira vez que andei de avião.

B: Ah foi? E que tal?

A: Taparam-se-me os ouvidos.

C: Faz assim: quando o avião for a subir ou a descer deixa a boca aberta que assim a pressão atmosférica que tens na cabeça já pode sair.


No comments, ok?...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

E ainda...

30.03.10
Último dia.

Acordar e tomar o pequeno-almoço no sítio do costume. Apanhar o 15 para Oxford Street. Primark. Compras, compras, compras. Selfridges. Compras. Mais uma vez resisti à tentação dos livros. Apanhar o 15 para Paddington. Souvenirs. Malas. Apanhar o 36 para Victoria Station. Apanhar o Gatwick Express. Meia hora depois, aeroporto. Voltinha por lá. Estacionar na monumental fila de check-in da Easy. Uma hora para fazer check-in porque o sistema foi abaixo e tiveram que fazer check-in manual. Almoçar no Burger King. Correr para a porta de embarque porque no painel dizia "flight closing". Fila. Entrar no avião. Mais duas horas e tal à espera que o avião partisse. Sim, atrasou três horas. TRÊS HORAS...

Ler, ler, ler. Gramar com putos na idade do armário. Gramar com executivos armados ao pingarelho. Dormir. Ler. Descolar. Ler. Comer. Aterrar. Mais 45 minutos até chegar ao carro. Voar para casa.

Home, sweet home.

Começar a pensar em quando é que será boa altura para lá voltar. Amanhã?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

E depois...

30.03.10
Segundo dia.

Acordar, pequeno almoço na Bonne Bouche, uma pastelaria excelente mesmo ao pé do hotel (na Praed Street) e seguir viagem. Sussex Gardens, em direcção ao Hyde Park. Percorrer o Hyde Park até chegar aos jardins que ladeiam o Palácio de Buckingham. E, ao chegar à entrada do palácio, achei que tinha chegado à aldeia dos macacos: carradas de gente com a cabeça enfiada entre as grades, a olhar para os guardas lá ao fundo, na vidinha deles... Parolice. Perdemos o render da guarda por hora e meia, mas como queremos voltar não há problema.

Seguir para Westminster, Big Ben, passar a ponte a pé, London Eye, The Globe Theatre, passar a ponte novamente para cá, caminhar até Trafalgar Square, almoçar, apanhar autocarro para St. Paul's Cathedral, continuar a pé até à Millennium Bridge, regressar, ir a pé até à Tower of London, cirandar por ali, atravessar a Tower Bridge duas vezes, apanhar autocarro para Paddington. E quem conhece Londres sabe: andei pa caraças (para não dizer pior).

Como ainda era cedo fui dormir um bocadinho, ele foi passear pelo bairro e depois lá fomos jantar novamente ao Villa Rosa.

(Continua...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

De Londres (ainda sem fotos)

30.03.10
Ficar em Paddington - e, do que vi, não podia ter ficado em melhor sítio. Ok, podia, em Portobello... Ou em Notting Hill.

Chegar lá tarde, as linhas de metro estarem fechadas (a grande maioria) devido a obras, não perceber peva do sistema de autocarros e resolver apanhar um táxi até ao hotel. Passar no Royal Albert Hall e numa data de clubs cheios de gente gira (a encalorada) à porta. Vi, inclusive, uma Carrie a sair de um club, vestido acetinado cor de rosa choque, casaco de pêlo preto, pumps altíssimos, clutch na mão, a chamar um taxi. Igualinha à Carrie.

1º dia: sair de Paddington em direcção a Notting Hill. Passear em Portobello. Encontrar a livraria que podia ser a minha casa: Books For Cooks. Comprar um livro de receitas da própria livraria. Do outro lado da rua, a livraria que inspirou o Notting Hill: The Travel Book Shop. Continuar o caminho em busca da Pastelaria Lisboa. Segundo pequeno-almoço de café (Sical) e pastel de nata. Andar quilómetros a pé até chegar a Piccadilly, Oxford Circus, China Town. Pelo meio, gastar imenso tempo na Waterstones, que são só sete andares de milhares de livros. Comprar dois (da Nigella). Apenas dois - ainda estou para saber como é que consegui resistir à tentação, mas pronto... Regressar à Oxford Street, apanhar o 15 e sair mesmo à porta do hotel. E sobre este hotel terei que escrever um post à parte...

Ir jantar ao Villa Rosa, 9 Craven Road, um restaurante italiano de portugueses. Bom e muito barato, mesmo perto do nosso hotel.

(Continua...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Já cá estou...

30.03.10
... mas dêem-me meia horinha para moderar comentários que foram cá deixados na minha ausência.

P.S.: AMEI! E não me queria vir embora...!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Por esta hora...

29.03.10
À hora a que este post for para o ar estarei eu já de volta ao aeroporto de Gatwick, quase a descolar de regresso a Lisboa. Isto é, se:

a) não me cruzar com nenhum dos intervenientes abaixo;
b) não decidir que quero ficar ali para sempre e vier só buscar a minha catraia;
c) perder o avião por qualquer motivo, tipo adormecer ou assim.

See you soon!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

De Deus e do Diabo - XXI

29.03.10
Orlando Bloom

And then again... yes, there are (very) hot english men...

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Godess - III

28.03.10
Kate Winslet

Também não garanto que regresse se tropeçar nesta... acho que era capaz de me perder horas à conversa com ela!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

De Deus e do Diabo - XX

27.03.10

Porque eu Londres nunca se sabe em quem se pode tropeçar... e eu não garanto que, em tropeçando neste, regresse a casa...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Para a viagem...

26.03.10

Acabado que está "O Último Setembro em Teerão" (um bocadinho à pressa, confesso), o próximo é este. Quando viajo gosto de levar livros grandes, porque sei que passo todos os tempos mortos a ler. Com este encerrarei a trilogia "Os Dotados" e depois... bom, depois logo se vê!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Checked-in

26.03.10
E a maravilha que é o check-in online, hum? Wonderful indeed!! Ou seja, estou sentadíssima na minha secretária mas faz de conta que estou na fila do check-in... agora faltam duas pessoas... agora é a minha vez... plim! Checked-in! Sigaaa!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

A esta hora...

26.03.10
... o meu easy plane estará a iniciar as manobras de descolagem, rumo a norte. Long live the Queen...

Falso alarme: o agendamento do post foi porreiro e publicou-o logo. Maravilha! Portanto não, ainda não estou em London... 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

London calling

26.03.10
É hoje. Desde miúda que sonho ir a Londres. Adiei durante 18 anos, vá, que antes disso tinha autonomia zero e podia lá decidir onde queria ir. Mas hoje cumpro mais um sonho. E daqui a dois meses, se tudo correr bem, cumpro outro. Há dois anos cumpri outro: Barcelona. Porque, para mim, viajar é das melhores formas de aprender (e crescer e amadurecer e tal).

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Eu já andava a estranhar...

25.03.10
As minhas unhas são uma valente merda. Mas, vá-se lá saber porquê, há uns 2 meses que não se partia nenhuma (ou seja, recuperaram do massacre pré-casamento - o gel - e depois disso atinaram). Já tinha inclusive pensado em partilhar convosco esse detalhe da minha existência que é de elevadíssima importância. Mas achei por bem calar-me para não agoirar. Hoje de manhã, ao fechar o carro com aqueles 14 quilos de gente ao colo, pimba, unha do dedo médio da mão direita com o caraças. Toca de limar as outras todas para a coisa ficar minimamente aceitável. E como estamos em vésperas de viagem, vou dar descanso aos vermelhos/rosas/castanhos e vou apostar num nude. Sempre se notam menos as quincadas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ora toma...

25.03.10
A minha filha que, para quem não sabe é a mais esperta do universo e até do mundo*, no dia em que eu fui jantar com as amigas resolveu mostrar a sua indignação.

Ela: pai, a mãe?
Ele: a mãe foi jantar com as amigas.
Ela: a Lia e a Xofia?
Ele: sim, filha.
Ela: mas eu é que sou a melhor amiga da mãe...

Toma. Para aprenderes...


*Não preciso de explicar o óbvio, pois não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Made in ♥ love

25.03.10
E o blog da Eduarda, conhecem??

Não? Pfffff... não sabem o que perdem...!


[Mais publicidade, vêem? E da boa!]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Mulheres Portuguesas

25.03.10

Mulheres Portuguesas é um movimento iniciado pelo fotógrafo Gonçalo Cunha de Sá em homenagem às mulheres portuguesas.

Com carreiras de sucesso inquestionável, estas mulheres contam as suas histórias e gravam o seu nome na História, contribuindo para um mundo melhor. 


Este movimento será divulgado através de programas de televisão, estarão patentes exposições itinerantes pelas principais estações de comboio portuguesas, um livro que estará à venda na FNAC, e já abriu já um site de apoio, www.movimentomulheresportuguesas.com , foi criado um grupo no FACEBOOK - http://www.facebook.com/home.php?#!/group.php?gid=262571089716&ref=ts  e um blog onde todos são convidados a participar, além de muitas mais actividades.

O projecto «Mulheres Portuguesas» retrata o papel das mulheres na sociedade portuguesa através de quase 100 mulheres que se destacaram nas suas carreiras e conquistaram lugares cimeiros, silenciosamente enriquecendo o dia-a-dia de todos nós.

Agenda exposição:
Lisboa: Estação Rossio - 5 a 21 Março
Porto: Campanhã - 2 a 18 Abril
Braga: Estação Braga - 1 a 16 Maio
Lisboa: Gare do Oriente - 28 Maio a 13 Junho
Lisboa: Santa Apolonia - 2 a 18 Julho
Faro: Estação Faro - 30 Julho a 15 Agosto.

[ Isto é o que acontece quando me mandam as coisas como deve ser: via mail.]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Aviso à navegação

25.03.10
Mais se informa que todo e qualquer comentário de cariz publicitário será apagado assim que eu meter os olhinhos em cima do dito. No presente tasco a única pessoa que faz publicidade à descarada sou eu (ou vocês, caso a coisa venha à conversa).

Odeio aquela cena de virem para aqui comentar só para deixar o link de um site/blog qualquer, sem eu ter pedido nada. Lamento, mas aqui não se safam. É que nem sequer faço uma visita aos sítios em questão para ver do que se trata. Se querem que eu publicite alguma coisa, mandem-me mail. E eu depois logo vejo...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Status

24.03.10
Status: enjoadíssima, agoniadíssima. Cheiros. Cheiros são a coisinha mais via verde para enjoos que eu tenho. E agora está-me aqui mesmo por baixo do nariz o cheiro do detergente de roupa agrafado à echarpe que eu trouxe hoje (e que tirei à hora de almoço). É isso e coisas a apertarem-me o pescoço. Entrada directa. Não tarda livro-me do almoço da pior forma (perdoai o grafismo da coisa). Vou-me. Cozinhar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Jessica

24.03.10
(foto descaradamente roubada ao Alvim)

Não consigo olhar para esta fotografia e não me lembrar da Jessica Rabbit... (deve ser por causa do rímel nas pestanas da Dra. Joana... deve, deve...).

E não, esta foto não está aqui por eu ter uma paixão assolapada pelo Tiago Bettencourt que, tenho para mim, estava a olhar para o telemóvel para ver se evitava olhar para o lado... para as pestanas dela, lá está!...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Errr...

24.03.10
... Como dizer isto?

Fui almoçar. Praia. Sol. Mar ao fundo. Praia. Sol. Já disse? Pizza. Fome. Sede. Sangria. Nem estava grande coisa, a gaja. mas desapareceu. Mapas de Londres. Um plano de viagem personalizado, com passagem por tudo o que eu quero ver nesta primeira ida lá. Explicação dos mapas. Calor. Muito. Sede. Sangria. Café. Calor. Daquele que dá direito a desmaio. Regresso. Sono. Dor de cabeça. Letras e números pequeninos. Sono. Sooooooooono!!! Café. Já a seguir.

E fiquei cansada só de olhar para o programa do fim-de-semana... é lá que vou perder os 4kgs que me faltam, sabiam? Ó ié!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ao ouvido

24.03.10
Gosto de trabalhar com os phones nos ouvidos, quando estou a fazer coisas que a) requerem concentração, b) não implicam comunicação com o exterior. O problema é decidir que música vai bem com o que estou a fazer. Não pode ser nada muito agitado, não pode ser nada muito "guitarrado", não pode haver vozes estridentes a cantar. Portanto agora estou a ouvir Hotel Costes, coisa que não ouvia há anos. Nem sei bem porquê, porque houve uma altura em que eu só trabalhava a ouvir música. Chill out, principalmente. Pela mão do meu querido Juan... tenho tantas saudades desse tempo... de Alvalade, do comboio e metro, do Il Caffe di Roma, dos almoços no Acqua Roma, das conversas, da boa onda, dos churrascos no quintal (e das pielas anexas, powered by sangrias e caipirinhas, tudo feito sob instruções do patrão, que era o pior de nós todos), das histórias que se passaram naquela sub-cave, das noitadas, do nosso cliente dos aviões e das viagens que ele nos ofereceu... tantas saudades!...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Fórmulas perfeitas

24.03.10

E as amigas. E a conversa. E o Bairro. E o fado. E a Amy. E o António. E a voz do António. E as amigas. Quatro horas perfeitas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Paixão assolapada

24.03.10
Eu tenho uma paixão assolapada pelo Tiago Bettencourt (desculpa lá, margarida!). A maneira mais fácil de me conquistarem é pela escrita - e o mais importante nem é a ausência de erros, mas sim a presença de originalidade, de poesia. O Jorge Palma, antes de flipar e se pôr a escrever merda como o "Encosta-te a Mim" e esta trampa mais recente do "Troco Tudo Por Um Beijo" (pronto, para um filme com a Soraia Chaves também não se pode exigir mais, vá), escrevia muito, muito bem. Depois fritou. E apareceu o Tiago Bettencourt, que escreve divinalmente. E ainda por cima canta. E tem aquela pinta de semi-bad-boy-outsider que é coisa para mexer comigo. "A Carta" é das coisas mais sublimes que já ouvi. E ele parece-me um doce de homem. É isto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Há um ano...

24.03.10

Pensei: é hoje. E foi...! Há um ano.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

A springtime sound...

23.03.10

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Pág. 1/4




Pesquisar

Pesquisar no Blog  








Para vocês





Partners







WOOK - www.wook.pt












Eu e os Livros

2013 Reading Challenge

2013 Reading Challenge
Lénia has read 2 books toward a goal of 30 books.
hide

Follow me!






Arquivos

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D